<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
17.9.07
 
1939 Varsóvia está cercada

Stukas picam estridentes para a cidade sacrificada

Desde o início do mês que se combate em todo o ocidente polaco.
Os aliados, Inglaterra e França, estão desde o dia 3 em estado de guerra com a Alemanha.
Após duas semanas fechou-se o cerco a Varsóvia, que severamente bombardeada resiste e lança apelos aos aliados ocidentais. O Marechal Smigly Rydz e o governo polaco fugiram para a Roménia.
Cracóvia e toda a zona industrial da Alta Silésia no sul, já caíram em poder dos alemães.
A Wehrmacht lançou dois movimentos em tenaz – de Norte e de Sul – com as divisões blindadas Panzer como pontas de lança da infantaria, apoiadas pelos bombardeios de artilharia e dos aviões Stuka. A tenaz fechou-se sobre a cidade de Lodz no oeste do rio Vístula, enquanto um outro movimento semelhante mas exterior, mais avançado, se dirigiu para Varsóvia.
No dia 11 a IV divisão Panzer atacou pela primeira vez os subúrbios de Varsóvia, e desde desse dia tem lugar uma violenta batalha nas proximidades do rio Bzura. Os polacos tentaram lançar contra ataques para travar o avanço alemão. Contudo, praticamente cercado, o núcleo do exército polaco está a desintegrar-se, e Varsóvia – para onde retiram todas as unidades que conseguem romper o cerco – ficou à mercê do avanço alemão.
Há duas semanas que a Polónia luta, mas sem esperança… só com o desespero acantonado na capital.

Etiquetas: , ,


Comments: Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger