<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
8.6.09
 
As eleições do ano 52 depois de Roma
9.600.581 Eleitores inscritos
6.043.567 Eleitores em abstinência (63%)


Pequenos partidos
Partido dos votos brancos – 164.877*
Movimento da Laurinda – 52.924
MRPP – 43.037
Partido da Terra – 23.378
Movimento do Carlos – 21.647
Partido da Manuela – 16.951
Partido monárquico – 13.774
Partido endireita – 13.026
Partido da Carmelinda – 5.094


*Numero alterado de 71.151 – valor de votos nulos e não de brancos – por volta das 22H hoje. Na casa das centenas (e só) outros valores não acertam, mas que se lixe, retirei-os esta manhã do Diário de Noticias. Quem referiu o valor certo, abrindo-me os olhos, foi o Dr. Alberto Martins, líder para lamentar do PS, ao também notar na tv, a dimensão dele, ligando-a ao afastamento crescente entre a população e a politica.
Dizia que é preciso "reaproximar" as pessoas da política, como se fosse possivel pegar na "coisa" e empurra-la para ao pé das pessoas. O Dr. Alberto tá cego - ou finge que tá – e não distingue aquilo que desclassifica a politica, que não são metros ou milímetros, são puras e simples aldrabices. É o puro e simples descrédito, consequência de atitudes como a sua, quando há ano e meio, anulou o projecto de lei anti-corrupção de Cravinho – entretanto despachado para uma gaiola dourada.

Etiquetas:


Comments:
As coisas que se podem encontrar entre a Laurinda e a Carmelinda.
 
Tudo junto dava pra eleger pelo menos um deputado.
Mas o mais interessante é o voto branco, sem campanha nem porta voz, ainda assim cresce.
 
Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger