<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
10.4.08
 
Serenidade

Quando não encontramos a serenidade dentro de nós,
de nada serve procurá-la noutro lugar
(serenity by Sam Lim)

Etiquetas: ,


Comments:
É bem capaz de ser verdade, é...
Mas algumas imagens ajudam!
:)
 
Acha que é possível encontar a serenidade "dentro" de nós, quando "cá fora" anda tudo tão pouco sereno?...
bfs
 
acho que é possivel, e que a verdadeira serenidade vem sempre de dentro, e nunca de fora (nem que pareça).
e acho que mesmo nas tempestades, quando há tranquilidade no interior... podemos reduzir as desgraças lá fora.

mas honestamente, gostava mas, não é o meu caso ;)
bfs
 
Hey! talvez seja verdade,
mas eu não ligo nenhuma...

Bom fim de semana e tal :)
 
O exercicio de meditação Zen é praticado em base a um silencio e concentração absolutos, embora haja ou não barulho ou qualquer outra situação antagonica o exercicio deve ser levado até o final baixo um total silêncio, quietude e concentração na respiração. Há que chegar ao fundo dos nossos dessassosegos e, domina-los com a quietude.
 
é mais isso a que me referia, sim, à paz interior que estou longe de conseguir.
abraço Luis Enrique
 
Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger