<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
13.4.05
 
Alfettas

José Maria Villafuerte
Juan Manuel Fangio com o Alfetta 158,

a caminho da vitória no G.P. de Pescara 1950

Alfa Romeo "Alfetta" /8 ciindros 1,5 litros (compressor) /800 Kg
Tipo 158 (1950) com 350 Cv
Tipo 159 (1951) com 420 Cv
Começou a competir em 1946, e foi retirado no fim de 1951;
Venceu 26 das 33 corridas em que participou, Campeão em 1950 e 1951;
Um dos carros de corrida de maior sucesso de todos os tempos.

Os dois primeiros anos da Fórmula um foram dominados pela equipa Alfa Romeo;
Completamente 1950, com 6 vitórias nos 6 Grand Prix;
já com dificuldades - 4 vitórias em 7 - levantadas pelos Ferrari atmosféricos em 1951.
Tal situação levou a Federação Internacional do Automóvel (FIA) a fazer as primeiras alterações no regulamento, passando a Fórmula de 4,5 litros (ou 1,5 litros com compressor) para 2,5 litros (ou 750 litros com compressor); pensava-se reequilibrar a competição devolvendo a vantagem aos motores atmosféricos.

Às equipas foram dados dois anos para se prepararem, entrando a nova Fórmula Um só em 1954, e correndo os Campeonatos de 52 e 53 nos Fórmulas Dois de 2 litros.
Vinham aí os anos Ascari-Ferrari...

Etiquetas: , ,


Comments:
Mas isso toda a gente sabe.
Acho que já te andas a repetir.
E o Schumacher?

Um abraço ZéCas
;)
 
Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger