<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
28.4.07
 
The circuit... gorgeous!

Dailymotion

A Ferrari é a única equipa do mundo que participou em todos os "Grand Prix" desde o início do campeonato, tendo quase um quarto das vitórias (23%), com o record de "pole positions" e de Mundiais.
E a Shell decidiu investir um balúrdio neste anúncio (The Circuit), aproveitando assim comemoração dos 60 anos da Escuderia no dia 19 de Abril deste ano.
Os dois minutos criados por Antoine Bardou Jacquet (Partizan) custaram 3.9 milhões de dólares.
É uma cavalgada fantástica no tempo e no espaço, de Roma até Mónaco, passando pelo Pacífico e pelas Américas, onde vemos a evolução dos Ferrari de formula;
Começamos numa velha estrada dos anos 50 percorrida num Ferrari 500, com um piloto de capacete branco (evocação do velho Farina? ou Villoresi?) que passa ao lado do Coliseu;
Seguimos pelos anos 60, para atravessar Nova Iorque… talvez no 312 de Chris Amon (o capacete lembra-o) com aquele inesquecível emaranhado de escapes pintados de branco.

Chegamos a Hong Kong (e Macau?) já no belo 312 B de 1971, guiado pela evocação de Jacky Ickx (o capacete de novo);
Finalmente entra-se no calor carioca, pela avenida Atlântica fora… o F399 (?) de Irvine (?), que depois de umas voltinhas em Monte Carlo, vai até à bomba da Shell meter o V-Power do anúncio.


Isto é música para os meus ouvidos… sério, ouçam o barulho dos diversos motores.

Comments: Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger