<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
4.12.06
 
25 de Julho de 1937

Na confusão antes da partida para o Grande Prémio da Alemanha no saudoso Nurburgring nas montanhas do Eifel, misturei-me entre os pilotos e o cheiro do rícino.
Distingo alguns cromos como a Alice Carraciola em primeiro plano, logo depois à direita, de chapéu na mão (braçadeira amarela) Alfred Neubauer, o patrão da Mercedes (que me deu a braçadeira para circular no "pit lane"), e ainda ao longe reconheço a camisa amarela e calças azuis do mestre, Nuvolari.
Os aviões sobrevoam-nos em demonstração; tecnologia, bandeiras e propaganda por todo o lado.
Herr Hitler já assusta mas ainda é admirado, particularmente em solo alemão.
Em Inglaterra o Jorge VI acaba de ser coroado e Chamberlain tornou-se primeiro ministro.
Em Espanha a guerra floresce, Emilio Mola acaba de morrer num acidente aéreo e os nacionalistas conquistam Bilbau.
Na União Soviética o camarada de ferro inicia alegremente a purga de 20.000 oficiais russos, que lamentará três anos depois.
Na China desde o dia 7 que o Japão ataca em grande escala.

Caraciola (Mercedes) ganhará na frente de Von Brauchitsch (Mercedes) e Rosemeyer (Auto Union) e por entre a floresta dos braços estendidos um Korpsführer tentará impedir os pilotos alemães de beijar as admiradoras, considerando comportamento anti-ariano.

Ia fazer 35 anos... e naquele momento só queria ver e tocar os fabulosos carros prateados, ali à minha mão de semear.

Imagem: Gary Doyle
Comments:
Grande imagem e grande post!
Abraço,
 
Herr Lutz!
abraço pá :)
 
mentiroso.

Se em 1937 tivesses 35 anos, terias hoje 104 anos.

E tens, como todos sabemos, 101.
 
tomara Ernst :)
mas os anos passam,
sem misericórdia meu
 
Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger