<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
29.11.06
 
Manuel Gião

Na Tertúlia de 25 de Novembro, dedicada à história do Campeonato Nacional de Ralis, fomos dar com alguns carros dos anos 60, entre os quais o Austin Cooper S de Manuel Gião. E não só, junto estiveram o "Manelito" filho (actual vice-campeão espanhol de GT) e o netinho de três anos.
Foi uma emoção pôr a mão sobre aquele capot, que já não via há quarenta anos. Estando a aparecer livros sobre os pilotos antigos - Nicha Cabral, Américo Nunes - que alguém se lembre do Manel, que com o Américo (Porsche 911) é um dos raros pilotos, ligados a um único carro, o Mini Cooper S.


O primeiro campeão nacional de Rally (absoluto e do grupo de Turismo) foi um mestre ao volante do pequeno (grande) carro, fazendo autenticos milagres em quase todos os tipos de piso e provas.
Alguém perguntou como foi que ele venceu quase todos os ralis de 1966; não seria o carro dele melhor?

Giovanni Salvi respondeu: não, ele é que era melhor que os outros.

1º Campeonato Nacional de Ralis (1966)
1. Rali das Camélias - Manuel Lopes Gião/ António Mendonça (Austin Cooper S)
2. Volta a Portugal - Basílio dos Santos/ Jocames (Porsche 356)
3. Rali do Académico - Manuel Lopes Gião/ F. Jorge (Austin Cooper S)
4. 1000 Km do Benfica - Manuel Lopes Gião/ F. Jorge (Austin Cooper S)
5. Rali da Montanha - Manuel Lopes Gião/ F. Jorge (Austin Cooper S)
6. Volta ao Minho - Manuel Lopes Gião/ F. Jorge (Austin Cooper S)
7. Rali Nocturno do SCP - Manuel Lopes Gião/ F. Jorge (Austin Cooper S)
8. Rali de Inverno - Manuel Lopes Gião/ F. Jorge (Austin Cooper S)

Com 7 vitórias, só Américo Nunes ganhou mais ralis (16) entre 1966 e 1973
Comments: Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger