<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
27.5.06
 
Monaco

ACM

Após a partida (topo esq. circulando no sentido dos ponteiros do relógio) temos logo a curva de Sainte Dévote (esq.), excelente para acidentes, em especial na saída pois não cabem lá todos.
Depois é acelerar por ali acima até ao Casino; aí travagem forte, esquerda, direita passando sobre os escorregadios traçados do transito, e nova aceleração para a esquina do Hotel Métropole. Chegadinhos à direita fazemos a curva do Hotel Mirabeau e descendo até ao gancho que se faz num carrocel quase parado; segue-se uma rápida direita para a curva do Portier (onde vi o Senna perder a corrida na ultima volta, por uma desconcentração).
Entramos na escuridão do Tunel, longa direita rápida, o Sol a ofuscar na saída e descemos para a travagem forte na Chicanne (onde morreu Bandini e o grande Ascari foi ao banho).
A esquerda apertada da Chicanne leva a uma pequena recta e logo asseguir temos as curvas da Piscina; mantemo-nos chegados à direita e na travagem passamos à esquerda, para evitar problemas no gancho de Rascasse.
Nova aceleração para a ligeira subida à direita, passamos em Noghes e estamos na linha de meta: agora é só repetir isto mais 77 vezes :)

Monaco é um dos locais de culto do automobilismo desportivo, fazendo parte do Campeonato desde sempre; correram nestas ruas todas as glórias da corridas de automóveis e só esse mito (com muito dinheiro) explica a sobrevivencia de um circuito urbano onde se quebram todas as regras da FIA (pobre Estoril), sendo quase impossivel ultrapassagens (apenas se espera que o da frente parta).
Tudo se joga na qualificação, e das duas primeiras filas deverá sair o vencedor.
Mas não há ambiente igual; vimos em Monte Carlo algumas das melhores corridas de sempre.



Comments: Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger