<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
21.2.06
 
An Orexis Dolorosa

Fiquei quase o dia todo sem comer hoje.
Estava orgulhosa de mim.
Então, por volta das 8 horas da noite, quebrei o jejum e comi um pedaço de pão.
Aí, é claro, tive de vomitar.
Estou desapontada comigo.
Se eu pudesse ter agüentado o dia todo sem comer, teria sido capaz de passar um dia inteiro sem vomitar
(Linda e Tara M. Rio, Diários da Anorexia, M.Books)

o certo
é que por vezes morremos magros até ao ossos
sem amparo e sem deus
apenas um rosto muito belo surge etéreo
na vasta insónia que nos isolou do mundo

e sorri
dizendo que nos amou algumas vezes
mas não é o rosto de deus
nem o teu nem aquele outro
que durante anos permaneceu ausente
e o tempo revelou não ser o meu

Al-Berto, in O Medo

Comments:
..e nem com uma dor imensa seria possível ser..se assim...
 
Dor transformada em idade**
 
Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger