<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11538882\x26blogName\x3dLa+force+des+choses\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://scriptoriumciberico.blogspot.com/\x26vt\x3d-290933400104219020', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
La force des choses
28.12.05
 


Corriere della Sera
Comments:
esses senhores que olham para cima... não procuram esse céu.

poderiam estar na fila para colocar a mão na boca della veritá, mas parecem demasiado "locais" para incorrerem em actividade tão nipónica.


E esse céu... esse céu pejado de pássaros, tão romano... no termini? em gianicolo? em villa borghese?

Itália... a minha noiva.
 
Acima: Uno stormo di uccelli migratori nel cielo di Algeri

Em baixo: Pellegrini in coda per entrare alla Grotta della natività a Betlemme.

Lembra Roma :)
mas não...
 
pois... sabes bem que o poder da imagem, da literatura e da arte em geral não é o da representação mas o da interpretação...

até podia ser aqui no nosso mundinho, que sempre me faria lembrar roma... a mente viaja para onde quer e não para onde pode. certo?
 
Por que olham as mulheres para cima e os homens com spleen para a objectiva?
Boa combinação de fotos!
 
Sim Csa, as imagens falam;
por vezes até nos enganam, Ernesto

O Italo Calvino fascina-me ;)
 
Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger